Fechar
Tratamentos

Duelo: Kit SOS Recuperação Intensiva Vitaderm x Blindage Néctar do Brasil

duelo

Hoje eu vim fazer a comparação entre dois Kits de recuperação profunda para os cabelos nas últimas. Esse tipo de kit é aquele que muitos apelidam de “levanta defunto” devido ao seu alto poder de eficácia e é formulado para uso no salão. Tenho dois kits com a mesma proposta, o SOS Recuperação Intensiva da Vitaderm e o famoso Blindage da Néctar. Quem vai levar a melhor?

Achei interessante uma comparação entre os dois porque ambos são compostos por 4 passos e tem uma forma de aplicação muito semelhante. Não é o tipo de tratamento para quem está com pressa, pois os quatro passos envolvem todo um ritual de aplicação que eu já expliquei nos posts das resenhas de cada kit:

Resenha Kit SOS VItaderm;

Resenha Kit BLINDAGE Néctar.

Agora vamos a comparação de cada passo.

Vamos começar comparando os shampoos que são os responsáveis por iniciar os tratamentos.  O da Vitaderm conta com embalagem de 600 ml enquanto o da Néctar vem com 1 litro de produto.

Ambos os shampoos são perolados e já tratam o cabelo enquanto lavam. Duas composições riquíssimas, no fim da lavagem sentimos o cabelo com a textura bem melhor. No entanto, o da Vitaderm tem um poder de limpeza ligeiramente maior que o da Néctar. A fragrâncias dos dois também são muito boas.

Resultado: Considero que os dois estão empatados, pois são dois shampoos muito bons. Proporcionam um ótimo início de tratamento.

Vamos agora para o passo 2, que trata-se das máscaras de tratamento dos kits. Na Vitaderm a máscara na verdade trata-se do passo 3, mas quem leu a resenha desse kit sabe que essa máscara pode ser usada antes e depois da creatina, então, ela pode sim ser considerada como o segundo passo do tratamento.

A Fiber Mask da Néctar vem na embalagem de 1 litro e a Máscara Reestruturante na Vitaderm vem numa embalagem de 600 ml.

Ambas as máscaras apresentam um composição muito satisfatória, mas cada uma tem seu ponto negativo também.

A máscara reestruturante da Vitaderm tem a textura de manteiga e amolece o fio instantâneamente. A fragrância é maravilhosa com destaque para a Manteiga de Karité,  queratina ,  creatina. Porém, vejo a presença de Lauryl Sulfato de Sódio nessa máscara, algo que me incomoda um pouco: como assim, máscara com sulfato? Perguntei a uma química e ela me disse que possivelmente é para a ajudar na remoção de excessos de produtos. Lembrando que essa máscara vai também depois da creatina, pode ser que seja isso mesmo.

A Fiber Mask da Néctar é muito cheirosa e tem toda uma diferenciação na hora de aplicar, pois forma umas fibras que torna o processo bem divertido. Em contato com os fios, doa maciez instantânea e tem ótima rentabilidade.

A sua composição conta com a presença da Creatina, do composto Nutri Repair System exclusivo da Néctar, Cera de Candelilla e Queratina. Mas, vemos a presença de dois petroquímicos: Óleo Mineral e Petrolato. Prefiro produtos que não apresentem petroquímicos, pois eles tendem a pesar, mas não senti interferência deles no resultado final do tratamento e como reconstrução não é algo que fazemos com frequência, podemos relevar.

Resultado: Dou preferência a Fiber Mask da Néctar, porque antes um petroquímico do que um sulfato na máscara. Mas posso estar sendo ignorante, afinal, pode haver toda uma explicação técnica para o sulfato na máscara, no entanto, mesmo que haja uma justificativa é seguro usar essa máscara apenas juntamente com o kit inteiro.

Chegamos agora o passo três que trata-se de uma Creatina em Gel. Ambas as marcas fazem questão de destacar que esse passo trata-se de Creatina e não de uma queratina líquida, embora ela também faça parte da composição.

A Condicionador Geleificado da Vitaderm vem numa embalagem de 600 ml e a Creatine Gel da Néctar vem numa embalagem de 1 litro.

Ambas as creatinas tem uma textura em gel e não são oleosas. Devem ser aplicadas e depois ativadas com o calor da chapinha. As composições são muito parecidas, com a presença da Creatina e da Queratina. A da Néctar conta ainda com o  Nutri Repair Sistem e Carbocisteína  A da Vitaderm apresenta como diferencial os oligossacarídeos. Ambas as fragrâncias são ótimas e suaves.

Resultado: As duas empatam no quesito força. Após serem ativadas com a chapinha, deixam o cabelo meio rígidos, porém com uma nova textura super forte. E como o desempenho é o que interessa, considero as duas ótimas.

Finalmente chegamos ao último passo dos kits, que são os produtos termoprotetores, responsáveis pelo selamento final dos fios.

O Spray Finalizador da Vitaderm vem na embalagem de 100 ml. O Blindage da Néctar vem na embalagem de 1 litro.

O passo final de cada kit apresenta características diferentes. O da Vitaderm é um spray líquido, porém com pouca oleosidade  e com uma fragrância suave, embora dê para sentir um cheiro de álcool também. Ele é para ser usado após o enxágue da máscara, então a sua função é mais de proteger do que amaciar os fios. Conta na sua composição com a presença de silicones doadores de brilho e protetores térmicos, além de conter também  queratina, filtro solar e creatina no meio.

O Blindage da Néctar apresenta a textura em creme, porém fluida. Ele é responsável por amaciar os fios, pois é para ser aplicado logo após enxaguar a queratina, quando os cabelos apresentam uma certa rigidez. Sua fórmula, no entanto, é simples, com a presença de silicones e glicerina. Também tem petroquímicos em sua composição, algo totalmente dispensável.

Apesar de apresentar uma fórmula mais interessante, o spray da Vitaderm não proporciona nenhuma diferença notável ao toque quando aplicado, no entanto sabemos que ele é necessário. O Blindage da Néctar já deixa os fios mais lubrificados e torna a escovação mais fácil.

Resultado: É uma escolha bem difícil. Ao toque eu prefiro o da Néctar, mas sei que o da Vitaderm está tratando mais meus fios. Diante disso resta o empate. O que um tem o outro não tem, o ideal seria a mistura dos dois e que fosse mantida a textura creme do Blindage, que é o tipo de textura que o meu cabelo melhor se adapta.

Considerações Finais

O resultado final dos dois tratamentos apresentam semelhança quanto ao tratamento dos fios. Ambos realinham a fibra capilar, reconstroem internamente e externamente e promovem um cabelo muito mais saudável.

No aspecto visual, a Blindagem da Néctar ganha, pois ela doa uma aparência mais bonita aos fios, deixando-os com mais movimento e maciez. Acredito que isso se deva a presença da Carbocisteína no passo três, pois esse componente tende a deixar os fios mais lisos e disciplinados. No entanto, essa aparência mais lisa dura apenas até a lavagem dos fios, o que fica é o tratamento.

O Kit da Vitaderm deixa os fios soltos e brilhantes, porém não muito macios.

O kit da Néctar é vendido apenas por distribidores da marca, para mais informações acesse o site da empresa: www.nectardobrasil.com.br

O Kit da Vitaderm é distribuidos por representantes, mas também é possível acha-lo em lojas virtuais na internet. Para mais informações acesse o site da empresa: www.vitaderm.com.br

Espero que tenha gostado de mais essa comparação!

Bjo!

Tags ComparaçãonéctarVitaderm

40 Comentários

  1. Lindos conjuntinhos! Toda força que um cabelo precisa…e parecem bem econômicos…leave in de litrão é tudo(sou olhuda!)…A vita Derm só faz produtos de boa qualidade,e engraçado sal na mascara,é uma mascara salgadinha!risos..não entendo de quimica,mas ela cumpre o que promete né? Então ta valendo.meninas encontrem um kit reconstrutor pra chamar de seu!

  2. Estou de mal pra sempre da nectar por me deixar na expectativa de loja virtual por meses e sepois abrir e não vendar o que eu realmente queria comprar (esse kik de blindagem)! Ódio supremo!

    Essa creatina da Vita derm ainda não comprei porque não fui a São Paulo, mas quero muito por as mãos em uma! mas será que ela fica na “ala proibida” da Ikesaki?(não entendo mesmo não ter venda livre – NÃO É REMÉDIO, CARAMBA!). Eita, que hoje estou revoltada, rs…

    Duda, e aí, o que achou dela??? Estou devorando informações, antes de decidir entre ela o o da Italian (beeem mais caro, diga-se de passagem)…

    Beijos, lindas!

  3. Porque reconstrução é vida!
    Ainda não me decidi pelo extreme up (pode ser que fique com a Extreme, mas a Plus, que se é pra reconstruir quero mega power), mas também quero a creatina (poderia ter sido o blindage – mimimi eterno, nectar)!!!! Sim, diferentemente de todo mundo que ama hidratação/nutrição meu negócio é repor o ciment! (claro, que sempre acabo usando óleos vegetais pra finalizar, mesmo depois de reconstruir, que meus cachos agradecem!)
    Ixi, isso porque tenho um RMC Azul novinho aqui sem nem abrir (que o antigo nem tinha acabado qndo recomprei), porque sou dessas que tem medo de ficar sem recontrutor…

    Beijos, amada!

  4. Oi Diana, gostei muito da comparação…Ano que vem vou comprar um kit de reconstrução power pra mim, vou tentar comprar esse aí da Vitaderm! Mas como vou fazer relaxamento em 10 dias e precisava de uma reconstrução boa, comprei um kit RMC Gold Black da Amend (um azul) vc conhece? É bom mesmo? Faço relaxamento com guanidina, pensei em fazer assim (detalhe, inspirada na sua dica de relaxar o cabelo): No dia 16/12 lavar o cabelo com o RMC da Amend (talvez eu use queratina líquida antes da máscara pra ficar mais power), dia 18 ou 19/12 fazer uma nutrição usando o Rigen azul(ou aquela máscara AMO da yenzah) e no dia 22/12 fazer o relaxamento de guanidina da matrix(claro que fazendo o teste da mecha antes). Depois do relaxamento, após o enxague do neutralizante, pensei em passar meu acidificante da k-pro (inspirada na sua dica de acidificante) e depois fazer uma reconstrução com a dupla Rigen e Real cream (azul) e depois passar um leave in e escovar! Ah, uma cabelereira de confiança que vai fazer meu relaxamento. Gosgtaria muito da sua opinião em relação as escolhas do meus produtos e a ordem de uso! Gosto muito do seu blog e confio muito no seu conhecimento de produtos e técnicas para cabelo! Estou amando aprender a cuidar do meu cabelo! Obrigada e desculpa o post enorme!!

    1. Debora,

      Sozinho, o kit azul RMC Amend já faz uma ótima reconstrução, talvez nem precise turbinar com queratina. Eu gostei do seu esquema pré e pós relaxamento e fico feliz que tenha entendido as dicas. Está tudo ok, no pós eu indico a Rigen se o cabelo sair ok do relaxamento, agora se ele sensibilizar muito vai de RMC.

      Bjo!

  5. Oi Gente!
    Estou adorando as resenhas do Kit Blindage da Néctar do Brasil, e estou querendo muuuuuito comprar, mas não tem disponível pra vender no site…
    Entrei em contato por email com eles pra saber se tem algum distribuidor no DF, mas não obtive resposta. O 0800 deles tb não está funcionando.
    Alguém poderia me passar um contato (mesmo que seja em outro Estado) para compra do kit?
    Obrigada,
    Flávia

  6. Tenho um pé atrás com os produtos da vitaderm . Uma vez usei a tinta deles e o meu cabelo ficou mega ressecado. Depois comprei um condicionador que me custou quase 40,00 e não fez absolutamente nada pelo meu cabelo, nem desembaraçou! Não arrisco mais não rs

  7. Ja usei vitaderm, no principio tudo muito lindo mais depois tive queda de cabelo, será que foi o facto de fazer constantemente a chapinha ou tinha que mudar de linha???? Podes me ajudar Diana?

  8. Querida, ja usei a vitaderm no principio tudo muito bonito, mais tarde tive queda, e não consigo entender o porque, será que foi por causa das constantes chapinhas ou será que tem um tempo ou quantidade determinada e eu exagerei?

    1. Clara,

      Esse produto é muito concentrado, então o uso dele em excesso danifica sim os fios. O tratamento para cabelos detonados deve ser 4x num intervalo de 15 em 15 dias e depois virar mensal e quem sabe depois virar bimestral, isso vai depender muito da saúde do cabelo. Fora que cabelo não pode ser mantido apenas com reconstrução.

      BjO!

  9. Oi Daiana, deixa eu te perguntar, se vc tivesse com seu cabelo quebrando muito e tivesse que escolher somente um kit, qual seria, me ajude por favor,….rsrsrsrs…..bjs

  10. Diana, você disse que usou esse tratamento com intervalos de 15 dias. Mas como você fez uso de dois kits diferentes, minha pergunta é:
    Você utilizou cada kit de 15 em 15 dias dando um período de 4 meses no total ou usou cada kit de 7 em 7 dias, o que daria 15 dias de intervalo para cada kit, dando um período de 2 meses no total?

Comenta, cabelete ;)